uuáêê

a primeira coisa que aprendi em solo luandês foi a bocejar em chinês.
aterrámos há seis horas, às seis horas. o sol já tinha nascido mas estava escondido. dizem que se vê pouco o sol em luanda. choveu-nos no caminho.
165 dólares de pequeno almoço tomado, entre dois Torre de nome e uma torre de comprimento.
no fórum, ofereceram-nos o 223.
o ar condicionado funciona, a água corre e lava.
o lobby é pegajoso mas a net funciona. duas poltronas ao lado dois chineses tentam dormir ou acordar na sua própria língua. um bocadinho mais ao lado um segurança da terra vigia-nos. ouve-se varrer o chão. daqui a 10 minutos estaremos a caminho doutro sítio qualquer. vêm buscar-nos porque não estamos autorizadas a andar sozinhas na rua.
aprendo a esperar e a seguir o ritmo.

2 comments


  • Anónimo

    E pensar que em ultima análise, talvez tenha sido eu, que indirectamente te levei até aí!</></>Introduções como essas já as fiz…a quem te as fez agora! E é sempre vou ver chegar à terra alguém que nos diz muito, como tu! :)</></>Vive, desfruta, trabalha…isso é bom.


  • sininho

    pena não estares cá, minha amiga…


Leave a comment


Please note, comments must be approved before they are published


Do you want to customize a product with this amazing doodles?

Customize